Rhodolfo tem lesão no adutor grau 2 e vai parar por um mês no Flamengo

Zagueiro iniciou fisioterapia para retornar ao grupo rubro-negro. Com Léo Duarte também lesionado, Zé Ricardo decide dupla de zaga entre Réver, Juan e Rafael Vaz.

 

Rhodolfo vai esperar um pouco para voltar ao time do Flamengo. Após bom início, o jogador vai parar por pelo menos quatro semanas. O exame de imagem constatou lesão no adutor da perna esquerda de grau 2 – em variação que vai de 1 a 3 – e o zagueiro já iniciou fisioterapia no Ninho.

Contratado por cerca de R$ 5 milhões – ao lado de Éverton Ribeiro e de Geuvânio, outros reforços desta janela – junto ao Besiktas, da Turquia, Rhodolfo fez quatro partidas com a camisa do Flamengo até sofrer a lesão no primeiro tempo contra o Vasco, em São Januário.

 No gramado, Rhodolfo sente dores antes de sair de campo em São Januário: jogador vai ficar parado por quatro semanas (Foto: André Durão)





Ao lado de Réver, contra o São Paulo, ele formou a dupla de zagueiros mais alta do país – os dois jogaram juntos uma partida até agora. Réver foi vetado de última hora com gastroenterite no clássico que terminou com vitória rubro-negra na casa dos vascaínos.

Sem Léo Duarte, que também se lesionou no clássico do fim de semana, o técnico Zé Ricardo terá o retorno de Réver e, muito provavelmente, de Juan para o compromisso de quinta-feira contra o Grêmio, na Ilha do Urubu. Titular nas últimas partidas, Rafael Vaz é cotado para continuar na equipe do Flamengo, que ocupa a segunda colocação na tabela do Brasileiro.

Cirurgia no joelho em 2016

Aos 30 anos, Rhodolfo teve bom início após longo tempo inativo no futebol europeu. No ano passado, ele fez cirurgia de ligamento no joelho direito e chegou a fazer parte da recuperação no Grêmio até voltar para o Besiktas. No time turco, que terminou campeão nacional, ele ficou na reserva por opção do treinador.

Antes de confirmar a contratação, o chefe do departamento médico do clube Márcio Tannure foi até a Turquia para conversar com Rhodolfo. Na chegada ao Flamengo, o jogador tranquilizou a torcida e reforçou que chegava 100% recuperado da última lesão.

– Acho que chegaram informações erradas sobre minha forma física. Desde que voltei da minha cirurgia no ano passado nunca mais voltei para a fisioterapia. Não tem nada disso de machucado. Foi opção do treinador. Voltei antes do tempo de lesão. Era para ficar sete meses parado, mas voltei em cinco – dizia o zagueiro, na apresentação no Ninho do Urubu.

 

Fonte: globoesporte.globo.com

Acesse Aqui Mais Noticias do Esporte

Deixe Sua Opinião - Comente Abaixo :

Deixe uma resposta

O seu endereço de email não será publicado. Campos obrigatórios marcados com *

%d bloggers like this: