Petista rebate acusação de débito e diz que levará caso à justiça

Durante mais de 15 minutos de entrevista a uma emissora de Picuí, Seridó paraibano, o prefeito Olivânio Remígio (PT) rebateu as acusações de que a gestão municipal estaria em dívida com a Energisa, sob ameaça, inclusive, de cortar o fornecimento de energia de prédios públicos. A denúncia foi feita na sessão da Câmara Municipal, da última terça-feira (07).

De acordo com notificação enviada pela empresa fornecedora de energia e apresentada pelo presidente interino, vereador Wagner Henriques (PSB), a Energisa pediu à Casa Legislativa que providências fossem adotadas para a apuração da inadimplência do município.

Contudo, a informação foi desmentida pelo vereador Jean Barros (PT) e, nesta quinta-feira (09), o gestor participou de um programa de rádio onde fez duras críticas aos parlamentares e até mesmo contra os veículos de comunicação que repercutiram a denúncia dos seus oposicionistas.

De acordo com o petista, um inquérito civil será aberto na Delegacia de Picuí para apurar as denúncias e ambos responderão criminalmente, até mesmo a empresa fornecedora. “Já que não consegui convencê-los da melhor forma possível, vou convencer perante a justiça”.

Com o tom de voz alterado durante toda a entrevista, Olivânio declarou que a denúncia foi criminosa. “Aqui tem ordem!”, esbravejou o petista enquanto batia na mesa da emissora.

 

Fonte: blogdoflavio.com

Acesse Aqui Mais Noticias de Pícui 

Deixe Sua Opinião - Comente Abaixo :
%d bloggers like this: