Francisquinho chuta o pau da barraca e anuncia rompimento com Charles

Não é de hoje que é notado o mal-estar entre o vereador Francisquinho das Cabaças (Livres) e o prefeito de Cuité, Charles Camaraense (PPS). Ambos eleitos na mesma coligação, passaram a ter comportamentos contrários desde meados de 2017, porém, nenhum havia se manifestado sobre o assunto.

No início dos trabalhos deste ano da Câmara Municipal de Cuité, no final do mês passado, na presença do prefeito, Francisquinho deu um recado ao seu ex-correligionário. Falou da sua insatisfação com a gestão que, segundo ele, fechou as portas para si, com destaque para a Secretaria de Transportes.

Contudo, na sessão desta segunda-feira (12), o vereador surpreendeu a todos e, literalmente, chutou o pau da barraca. O parlamentar deu o tom do seu rompimento com o chefe do Executivo Municipal. Tudo começou quando o mesmo rebatia as críticas de uma aliada do prefeito que o chamou de Judas após uma cobrança sua na tribuna.

“Todo mundo de Cuité pode falar de mim, menos o prefeito”, disparou ao lembrar do início da sua caminhada com o então pré-candidato a deputado estadual Charles Camaraense e quem realmente foi o traidor dos dois.

“Em 2014, ninguém conhecia Charles Camaraense dentro da zona rural de Cuité e Francisquinho das Cabaças teve a coragem de caminhar casa a casa, comunidade por comunidade apresentando Charles como pré-candidato a deputado estadual naquela época”, revelou.

O parlamentar destacou sua atuação junto com o então deputado Charles e depois a renovação do seu compromisso com o mesmo na sua campanha para prefeito, pela qual ambos foram eleitos.

“Quando nós assumimos no início de 2017, dentro de poucos dias o prefeito fechou as portas das secretarias para o vereador Francisquinho, para aquele candidato que andou com ele firmando compromisso com os agricultores”.

Por fim, o vereador sentenciou. “Chegou um momento que eu tive que desfazer o compromisso que eu tinha com o prefeito. Porque não adiantava o povo estar me cobrando os compromissos firmados com a população e as portas das secretarias fechadas”.

Com forte atuação na zona rural, Francisquinho foi eleito no pleito de 2016 com 507 votos. Procurado pelo blog, o parlamentar destacou que, por ter rompido com o prefeito, não se aliou a bancada de oposição e que seguirá uma linha independente. Quanto ao seu comportamento na votação de matérias da Câmara, o mesmo destacou que será favorável ao que for bom para Cuité.

 

Fonte:Blog do Flávio

Deixe Sua Opinião - Comente Abaixo :
%d bloggers like this: